mídia
Dia Mundial do Coração: Saiba como escolher o monitor de pressão arterial para uma medição correta e precisa
28 set '18

Foto: © lenets_tan

Os medidores de pressão arterial da Omron Healthcare Brasil armazenam dados e facilitam os cuidados necessários pelos cardiopatas.

O dia 29 de setembro foi escolhido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como o Dia Mundial do Coração, período de conscientização e prevenção das doenças cardíacas. Anualmente, segundo a OMS, são cerca 17,5 milhões de mortes causadas pelas cardiopatias, sendo que no Brasil a média chega a 350 mil.

As doenças cardiovasculares ou cardiopatias podem se manifestar de diversas formas, tais como: hipertensão, arritmia, cardiopatia congênita, insuficiência cardíaca, entre outros males. De acordo com o Dr. Marco Mota, investigador principal do Centro de Pesquisas Clínicas, para o controle e acompanhamento desses distúrbios, o paciente deve criar uma rotina para suas aferições.

“Vários estudos têm mostrado que a medida residencial da pressão arterial é uma importante aliada na participação do paciente no tratamento, melhorando a adesão e o controle de doenças relacionadas ao coração”, afirma o médico.

Tecnologia e controle da pressão arterial

De acordo com Wanderley Cunha, CEO e presidente da Omron Healthcare Brasil, gigante japonesa em dispositivos e equipamentos de cuidados para a saúde, já existem no mercado modelos que facilitam a prática no dia a dia, como os medidores de pressão arterial de pulso e braço, com alta tecnologia embarcada, que garantem precisão também nas aferições domésticas. Os modelos de pulso mais modernos, por exemplo, já possuem sensor de posicionamento, que guia o pulso na altura correta do coração. Já os modelos de braço oferecem a tecnologia Intellisense, cuja braçadeira infla no nível ideal para cada pessoa.

No entanto, por mais que alguns usuários considerem a medição fácil, é importante seguir o protocolo médico ao aferir a pressão em casa, especialmente com o modelo de pulso, que garante mais mobilidade ao usuário e atualmente lidera o ranking de vendas no país com 75% de participação.

Saiba como aferir a pressão corretamente

O melhor horário para medir a pressão é pela manhã. A prática pode ocorrer no ambiente hospitalar ou domiciliar – entretanto, nos dois locais alguns cuidados são determinantes para tornar a aferição confiável, antes e durante o procedimento:

• Estar sentado e relaxado por 10 minutos (sem fazer esforços físicos durante esse período, como subir e descer escadas, pegar peso ou qualquer outra atividade);

• Não fumar, consumir café e bebidas alcoólicas antes da aferição;

• Não praticar atividades físicas intensas;

• Evitar o uso de medicamentos;

• Esvaziar a bexiga;

• Não conversar ou agitar-se.

Como escolher o aparelho correto

• Local de colocação do dispositivo: usualmente, o teste de pressão é realizado com uma braçadeira ou com o aparelho de pulso. Esta segunda opção traz mais conforto e flexibilidade e é igualmente precisa. A escolha entre essas opções dependerá da necessidade do paciente de autoaplicação do equipamento.

• Memória: este é um fator importante para aqueles que devem realizar a medição periodicamente e registrá-la para posterior análise. Existe a opção de anotar em um caderno, mas sabemos como é fácil perder estes dados. Existem alguns monitores que conseguem gravar apenas alguns dias, outros, semanas e alguns até por meses.

• Acuracidade (precisão de leitura): é a característica mais importante de um medidor de pressão. Medidores de braço e de pulso são igualmente precisos. É bastante interessante levar o seu medidor de pressão antes de ser utilizado para seu médico logo após a compra para verificar a margem de erro que você deve considerar. Importante repetir esse procedimento a cada seis meses.

• Tamanho da braçadeira / munhequeira: a parte inflável do equipamento deve cobrir 80% do punho ou do braço do paciente. Se você usar uma braçadeira ou munhequeira no tamanho errado para você, obterá informações incorretas. Este tipo de problema é muito comum com adultos e pessoas grandes. Então é importante medir a circunferência do braço/punho do usuário e conferir a descrição do equipamento antes de comprá-lo.

• Facilidade de uso: vários equipamentos geram o resultado apenas com um botão pressionado. Existem outros com opções de armazenamento dos dados, diferentes tipos de análise etc. É importante checar quem irá usar o equipamento para identificar as reais necessidades.

+ MÍDIA