mídia
Granado em loja de luxo em Paris atrai exportações
11 ago '14

Durante três meses em que aconteceu o projeto comercial Le Brésil Rive Gauche – com 120 marcas brasileiras de vários segmentos para a luxuosa loja de departamentos Le Bom Marché, em Paris, a partir de abril deste ano - , as vendas do Grupo Granado foram tão boas que a empresa foi a única convidada a ter um espaço exclusivo para os produtos das marcas Phebo e Granado.

Um espaço de 40 metros quadrados, cuidadosamente desenhado por um time de designers franceses que veio especialmente no Brasil para pesquisar e tentar reproduzir a primeira loja da Granado, a botica mais antiga do Brasil, inaugurada em 1870 na Rua 1° de Março, no centro do Rio de Janeiro. Cerca de 160 itens das marcas Granado e Phebo estão sendo comercializados lado a lado de itens de marcas internacionais, como Giorgio Armani e Tom Ford.

“Para nós é muito gratificante saber que os franceses, expostos aos melhores produtos cosméticos do mundo estão adorando nossos produtos e estão se tornando nossos clientes. São produtos de uso diário, então a compra é constante. Estamos entrando no cotidiano da cesta de cosméticos dos franceses”, comemora Luiza Ferrez, relações públicas do Grupo Granado.

Ela conta que entre os itens vendidos estão a Cera Nutritiva da Granado para as unhas e cutículas, da linha Pink. “Ela é um dos nossos produtos mais vendidos aqui no Brasil e agora também na França. Outro ítem que também estamos vendendo muito bem é o kit com 6 sabonetes de glicerina vegetal. Eles vêm embalos em redes, como nas feiras de rua no Brasil, uma coisa bem brasileira e que tem agradado aos franceses e brasileiros que moram em Paris. ” As fragrâncias dos sabonetes Mix frutas brasileiras e Mix frutas tropicais, também sa~bem aceitas, tais como: côco, manga, goiaba, abacaxi, banana, açaí, maracujá, guaraná.

A fragrância Carioca, com notas cítricas e de bergamota e gengibre, foi lançada pela Granado diretamente em Paris. “Desenvolvemos uma fragrância exclusiva, com o frescor do mar, a opulência da floresta e um toque chic, adequado ao público da Le Bon Marché”, explica Ferrez.

A loja da Granado no Bom Marché vende ainda difusores e hidratantes da linha Vintage e águas de colônia entre outros itens. O design da loja, os itens mais exóticos das marcas Granado e Phebo, ou mesmo a simples presença delas na Bom Marché já atraiu exportações. “Fizemos vendas para a Grécia, para a Inglaterrra e o Japão. Em Tóquio os nossos produtos podem ser encontrados na Isetan, e m Londres, na Frescobol Carioca, de moda praia e acessórios e em Atenas, nas lojas Palmes, de lingeries finas”, conta a relações públicas da Granado.

O foco da empresa, entretanto, não é o mercado exterior. A empresa, que fabrica no Brasil 13 milhões de itens por mês, tem 400 produtos em seu catálogo, e no grupo aproximadamente 1.200 funcionários, quer crescer primeiro no Brasil: “ Temos muito o que crescer aqui dentro do Brasil, onde temos 30 lojas e o nosso e-commerce. Estamos estruturando a empresa para atender a estes clientes fora do país, mas o Brasil ainda é o foco da empresa, “ diz Luiza Ferrez.

As vendas nacionais subiram 18,5%, em 2013 atingindo R$ 284 milhões. “Este ano a expectativa é de um aumento de 20% nas vendas”, diz.

Fonte: CosméticosBR

+ MÍDIA