mídia
Mercado aberto: Remédio de grife
30 set '14

Quinze anos após a criação da Lei dos Genéricos, os remédios de marca continuam sendo mais populares no mercado brasileiro.

Levantamento da Orizon (empresa de soluções para o setor de saúde) aponta que 94% de seus entrevistados optam por esse tipo de medicamento. Foram consultadas cerca de 43,7 mil pessoas.

Do total, 39% só compram os produtos de marca e 55% utilizam também os genéricos. Pouco mais de 5% adquirem apenas genéricos.

Ainda segundo a pesquisa, um paciente que toma remédios de uso contínuo para controlar a hipertensão pode economizar 40% por ano com a substituição do medicamento de marca pelo genérico.

A diferença para quem tem diabetes pode chegar a 34%.

Fonte: Folha de S.Paulo

+ MÍDIA