mídia
Suspensos lotes de contraceptivos Gynera
03 Jul '17

Foto: © Kwangmoo

A Anvisa suspendeu a distribuição, comercialização e uso de 13 lotes do medicamento Gynera (gestodeno + etinilestradiol). Os lotes dos contraceptivos fabricados pela Bayer S.A. apresentaram resultados que não atendem à legislação sanitária vigente. Medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (26/6).

Segundo o comunicado de recolhimento voluntário da empresa Bayer S.A., os lotes dos medicamentos em questão apresentaram resultados insatisfatórios quanto ao estudo de estabilidade. O estudo de estabilidade mede por quanto tempo o medicamento mantém suas características depois que sai da fábrica. Ou seja, é o que garante que o anticoncepcional tem qualidade e funciona durante o seu período de validade.

Além da suspensão dos lotes da Gynera, a resolução RE 1.698 de 23 de junho de 2017 determina que a empresa promova o recolhimento do estoque existente no mercado.

Se você usa o anticoncepcional Gynera, confira na embalagem se o seu medicamento é de um dos lotes suspensos pela Anvisa. Caso seja, entre em contato com o SAC do fabricante para ser orientada sobre a troca.

Os lotes de Gynera que não estão na lista podem ser comercializados e utilizados normalmente.

Confira abaixo os lotes suspensos:

Reprodução - ANVISA

Fonte: ANVISA

+ MÍDIA