notícias
Balanço e perspectivas
06 dez '17

Foto: © fotolia

No dia 21 de novembro último, a ABCFARMA realizou Assembleia Geral Ordinária, em sua sede em São Paulo, para discutir a Previsão Orçamentária para o ano de 2018 e assuntos gerais.

O número de presentes superou as expectativas. A mesa dos trabalhos contou com minha presença e a do 1° vice-presidente da entidade, Marcelo Fernandes de Queiroz.

Após a apresentação em telão da proposta orçamentária, o gestor Felício De Rosa Neto, os advogados Dr. Rafael Souza Oliveira E. Jesus, Dr. André Bedran Jabr, Dra. Inês Conceição Mateus S. Rocha e Celso Henrique Lima, que secretariou os trabalhos, fizeram comentários aprovando os números contábeis apresentados.

Após aprovação com louvor da Proposta Orçamentária para 2018, a palavra passou para o setor jurídico. O Dr. André Bedran apresentou o resultado das convenções com os farmacêuticos e das demais categorias de trabalhadores do setor. Explicou os Embargos de Declaração junto ao Tribunal Regional Federal e passou a palavra ao Dr. Rafael Souza Oliveira E. Jesus, que comentou as reuniões em Brasília, no Ministério da Saúde, Secretária da Farmácia Popular do Brasil, ANVISA, CMED, Covisa, Congresso Nacional e outros contatos de interesse do setor que a ABCFARMA representa.

São várias as nossas viagens para Brasília todos os meses.

Muitos dos presentes tinham reserva de voo para retornar às suas cidades de origem, e por isso tiveram que deixar a reunião mais cedo, mas os que ficaram após o encerramento da Assembleia foram convidados a participar de um Coffee Break e trocar impressões sobre 2018.

+ NOTÍCIAS