notícias
Incertezas do Programa Farmácia Popular preocupam ABCFARMA
10 nov '16

Em evento na FIESP no dia 4 de novembro, o Ministro da Saúde, Ricardo Barros, respondeu questionamento da ABCFARMA sobre os credenciamentos e renovações do Programa Farmácia Popular com uma ressalva sobre o alto índice de fraudes nas auditorias do programa, entretanto, sem dizer quais são esses números em termos financeiros.

No mesmo evento o Ministro reforçou o foco do Ministério da Saúde de obter melhorias com aperfeiçoamento dos controles de gestão por meio de softwares.

Nesse sentido, como conhecedora da estrutura do departamento que administra o PFPB, a ABCFARMA acredita que o Ministro Ricardo Barros incorreu em contradição.

A ABCFARMA considera o PFPB um caso de sucesso absoluto do gênero de licitação.

Fraude é o que estamos olhando na Lava Jato.

Um programa que possui mais de 34.000 empresas privadas participando deve ser observado com mais cuidado pelo Ministro da Saúde.

Os empresários honestos que atuam no programa devem receber tratamento digno, não sendo mais aceitável a falta de posicionamento (com prazo) do Ministério sobre renovações e novos credenciamentos.

+ NOTÍCIAS