notícias
Uma justa homenagem para Sétimo Gonnelli
08 mai '17

Foto: reprodução

A praça é dele

Um dos mais queridos profissionais do varejo farmacêutico de São Paulo, falecido há três anos, acaba de receber justa homenagem – agora tem seu nome numa praça de grande visibilidade no bairro do Cambuci, onde manteve sua farmácia por mais de 60 anos. A iniciativa foi do vereador Toninho Paiva. O presidente da ABCFARMA, Pedro Zidoi Sidoia, a quem Sétimo considerava como um irmão, foi um dos presentes à bonita cerimônia – ao lado de sua esposa, Maria Helena, ele fez questão do uso da palavra, enaltecendo Gonnelli, um profissional honesto e idealista e que sempre contou com os mesmos predicados nas administrações das entididades em que foi dirigente. Confirmou que a amizade com ele era de irmãos e que se consdera também membro da família de Sétimo. Zidoi agradeceu ao vereador Toninho Paiva, com quem sempre manteve uma amizade de grande respeito e gratidão pelos serviços que presta na Câmara Municipal de São Paulo, pela homenagem a Sétimo Gonnelli.

A denominação do local que no dia 8 de abril passou a levar o nome do saudoso Sétimo Gonnelli, considerado um dos mais antigos e influentes profissionais da farmácia, se deu através da Lei 16.469, de 4 de Julho de 2016. Um dos primeiros empregos do jovem Sétimo Gonnelli após chegar a São Paulo com a mãe e os irmãos foi como auxiliar de farmácia. Desde então, nunca mais saiu de perto dos medicamentos. O Dr. Fausto Spina, que era proprietário do laboratório farmacêutico Yatropan, conhecendo o trabalho de Sétimo, o contratou como auxiliar de manipulação. Após algum tempo, retornou ao varejo. Com o título de oficial de farmácia, decidiu abrir seu próprio negócio. Foram sete décadas vendendo remédios – ou doando-os para quem não podia comprar, como moradores de rua e outros necessitados. Atuante na área, participou de diretorias de entidades como o SINCOFARMA-SP e ABCFARMA, da qual era diretor tesoureiro.

Quando não estava entre medicamentos ou acompanhando partidas do seu Palmeiras, dedicava-se à religião. Foi por muitos anos ministro da Igreja Católica. Um de seus maiores orgulhos era ter dado condições para que os dois filhos se formassem na faculdade. Dr. Clóvis, o mais velho, tornou-se advogado – e infelizmente faleceu muito jovem. O Dr. Carlos Alberto é hoje médico de renome – e, na cerimônia, era um dos mais emocionados com a homenagem ao pai. Durante a cerimônia, o padre Antônio Fusari, amigo de longa data do homenageado, abençoou o local, falou de sua imensa emoção em poder estar ali e ver o nome de Sétimo Gonnelli ser perpetuado.

Em um misto de saudade e agradecimento, o Dr. Carlos Alberto Gonnelli deixou seu recado: “Eu acho que é a imortalização de um ser humano que sempre pregou justiça e honestidade, o melhor para a sua família, com muita simplicidade e humildade e, principalmente, para uma categoria profissional que é da saúde, em especial o provisionado. Eu só tenho a agradecer ao vereador Toninho Paiva, que foi um grande amigo do meu pai, por esta homenagem”. Com a palavra, Toninho Paiva falou sobre a importância de Sétimo Gonnelli na vida das pessoas que o conheceram. “Há pessoas que passam por nossas vidas e que jamais esquecemos. Sétimo foi um amigo, uma pessoa especial, que estava sempre pronto a ajudar a todos. Um homem que, com toda certeza, está na casa do Pai. Fico muito feliz por poder ver o nome de Sétimo Gonnelli aqui neste local, nome este que com certeza irá embelezar este espaço, um pedaço tão gostoso e próximo ao local de trabalho de muitos anos do saudoso Gonnelli”.

+ NOTÍCIAS